segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

9 meses entre infindos sentimentos

Por mais dolorosas e cruéis as minhas palavras,
Não deixam de ser de ser verdadeiras.
Verdadeiramente ditas contra tudo o que não quero sentir,
Ditas pagando pelo momento tão esperado por trás de todo esse sofrimento...

Sofrimento e aflição expressados pelos planos perdidos,
Sonhos esquecidos no tempo que não tenho mais,
Ansiedade e frustração por algo tão forte de se encarar;

Uma vida sem culpa dentro de mim inocente...

Mesmo assim te amo!
Mesmo assim te espero!
Mesmo assim peço a Deus merecer teu sorriso!
Mesmo assim lutando pra nunca deixar que ouças tudo o que digo;

E me perdoe...

Ursula,15 de Fevereiro de 2012

Um comentário:

  1. Sentimento... desabafo... verdades... Expressão da alma. Bonito

    ResponderExcluir

Expresse sua opnião! Ela é muito importante...