quarta-feira, 20 de julho de 2011

Monólogo

Negro cenário num silencioso espaço
Repensando idéias,
Mudando minha rota de vida,
Abrindo a mente...

Ninguém pra me ouvir
Ninguém pra debater opiniões;

Só eu e as minhas indagações borbulhando na busca de me encontrar...

Algo que eu devo ser e me calo
Explosão que revela meu eu em sã consciência
Brecando as loucuras esperando à hora de sair da linha;

Nos limites que hoje cobram caro pelo passado...

Ilha por onde eu escolhi me exilar
Tempo indeterminado pra deixar de acreditar,
Falando, lamentando e me libertando;

Monólogo infindo de mil coisas que a cada dia me põe a pensar...

Schuan,19 de Julho de 2011

Um comentário:

  1. É muito importante parar e se auto perceber de vez em quando!!!

    ResponderExcluir

Expresse sua opnião! Ela é muito importante...